Viagem de avião com crianças

17:52:00

Estamos embarcando amanhã para uma viagem em família e essas informações foram muito úteis, espero que possam ajudar a vocês também!! 

Confesso que estamos ansiosos a Manu começou a fazer as malas há uma semana e como sempre estou com a impressão que esqueci algo. Estamos muito felizes pela viagem e oportunidade, mas dessa vez o Papai não poderá ir conosco, estamos juntos há dez anos e nunca ficamos mais de dois dias sem nos vermos! Sentimentos a flor da pele!


Viajar de avião com crianças pode ser tranquilo e divertido com algumas dicas práticas que evitam o desconforto dos pequenos durante o voo. Que tal preparar jogos e brincadeiras para entreter a criançada?

Como dicas nunca são demais, confira as orientações que a GOL Linhas Aéreas Inteligentes preparou sobre os documentos e procedimentos necessários para o embarque, além de como fazer as malas sem dor de cabeça.

Maneiras de entreter as crianças no avião

Deixar os pequenos entretidos durante uma viagem de avião é mais fácil – e barato – do que se imagina. Veja algumas dicas:

1. O brinquedo preferido
Leve o brinquedo favorito do seu filho na bolsa e leve um para você também. Além de vivenciar novas maneiras de brincar no avião, é importante que a criança tenha o incentivo do ‘brincar junto’, com a participação da família.

2. Adivinhe quem está na foto

Outra dica é encher uma caixa pequena com várias fotos de amigos, familiares e das próprias crianças. Tire uma e convide a molecada a adivinhar quem está nela. Dê dicas, como a roupa usada, o que a pessoa está fazendo, em que evento. É interessante oferecer às crianças instrumentos que deem corpo e forma às realidades que elas vivenciam, desenvolvendo suas capacidades de criar e descobrir.

3. Moldando e montando a brincadeira

Pesquisas mostraram que massinhas de modelar, peças para montar e livros para colorir são eficientes para entreter os pequenos no avião. Sabe por quê? Com eles, as crianças podem expressar suas angústias, seus medos, seus conflitos e dificuldades de maneira simbólica, o que ajuda, inclusive, em situações que lhes causam estresse e ansiedade.

4. Todos unidos pelo mesmo desenho

Deixe na mesinha da poltrona alguns objetos como lápis, caneta, borracha, um caderno de desenho ou outro papel. Faça apenas um traço e convide as crianças a continuarem o desenho, cada uma de uma vez. E assim, sucessivamente, todos darão, juntos, forma à obra. A expectativa será grande em torno do resultado.

5. Jogo das palavras

Ainda com o lápis e o papel, escreva uma palavra e convide os participantes a escreverem outras que tenham relação com a primeira. Todos devem procurar formar frases, construindo um texto lógico. A brincadeira ainda pode ser feita com as palavras sendo ditas oralmente. A criança não estará apenas brincando, mas também desenvolvendo habilidades necessárias para o seu crescimento pessoal, social e neurológico, como o raciocínio lógico e a memória.


Fazendo as malas

Viajar com crianças não significa encher a mala de coisas que você não sabe se vai precisar. Para não levar mais do que o necessário, é importante planejar a viagem com antecedência e fazer uma lista com os itens para a bagagem.

Outra dica importante é levar em consideração o destino, clima e a duração da viagem. Isso ajudará na hora de separar as roupas e acessórios adequados.

Não se esqueça de levar os documentos e a carteirinha do convênio médico ou número do SUS da criança. No caso de viajar com bebês, levar também o cartão de vacinação e o telefone do pediatra. Também é recomendado levar um kit de primeiros socorros, para qualquer emergência.



Documentação

A GOL não transporta crianças de 0 a 5 anos incompletos desacompanhadas de um responsável maior de 18 anos. Se a criança tiver até 1 ano e 11 meses, ela pode embarcar no voo sem pagar pela passagem aérea. Para que isso aconteça, o bebê deve viajar no colo de um adulto responsável ou de uma pessoa maior de 12 anos, ambas acompanhadas de uma pessoa maior de 18 anos responsável. É permitida uma criança de colo por cliente.

Voos Nacionais

Para embarcar com uma criança menor de 12 anos você deve apresentar um  documento de identificação da criança em formato original ou cópia autenticada, podendo ser:
• Passaporte;
• Carteira de Identidade (​RG) expedida pela Secretaria de Segurança Pública de um dos estados da Federação ou Distrito Federal;
• Cartão de Identidade expedido por ministério ou órgão subordinado à Presidência da República, incluindo o Ministério da Defesa e os Comandos da Aeronáutica, da Marinha e do Exército;
• Certidão de Nascimento.

É imprescindível que o documento de identificação da criança comprove a filiação ou parentesco com o responsável, que também deverá apresentar um documento de identificação válido. Isto é necessário, pois, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, o menor pode viajar com parente de até o terceiro grau, desde que comprovado documentalmente o parentesco.


Voos Internacionais

Para embarcar com uma criança ou adolescente menor de 18 anos, você deve apresentar um documento de identificação da criança em formato original, podendo ser:
• Passaporte válido;
• Carteira de identidade (RG) expedida pela Secretaria de Segurança Pública de um dos estados da Federação ou Distrito Federal (Somente para os países do MERCOSUL).

Para conferir a relação de documentos necessários ou regras para outras situações, como por exemplo crianças desacompanhadas, confira o link da GOL.




VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM