Musical “Uma Luz Cor de Luar”

18:08:00


A superprodução musical “Uma Luz Cor de Luar”, um espetáculo para toda família, com a realização da Fundação Lia Maria Aguiar.

Nós assistimos e recomendamos, tenho certeza que essa peça marcou a vida das crianças e minha também. Nós sabemos como é difícil para nós saber lidar com dar liberdade aos nossos filhos. E uma frase da peça me marcou profundamente "Quem ama não prende".

Parabéns a todos os envolvidos, nós rimos, nos emocionamos, e as crianças amaram.

As canções e interpretações são perfeitas. E a Cláudia Ohana está espetacular com sua voz poderosa.

Um ótimo entretenimento para toda a família!!


O musical, inspirado na cultura indígena, em contos populares e lendas brasileiras, conta a história de um garoto humilde (Bernardo Mesquita), filho de pescadores, que um dia decide seguir o conselho de sua mãe e deixar para trás a vila onde vive em busca de um novo rumo, em busca de uma luz cor de luar, mas acaba naufragando e indo parar em uma ilha desconhecida, no meio do oceano, habitada por pássaros, onde se depara com a temível Rainha Harpia (Claudia Ohana), a maior ave de rapina, que esconde um segredo sobre sua filha, dividido entre o amor e a dor, e que enxerga a chegada do jovem perdido como um grande perigo, fazendo com que ele enfrente as maiores dificuldades durante este convívio. A aventura pela fauna brasileira é contada pela índia Xamã (Simone Gutierrez), um sábio e místico ser da terra, responsável por conduzir o público a uma lúdica viagem pelo reino, na companhia de danças, práticas circenses, efeitos especiais, e muito encantamento.

O elenco da produção, que traz em cena cerca de 30 nomes, conta com a participação de 20 jovens atores e bailarinos jordanenses, do Núcleo de Teatro Musical da Fundação Lia Maria Aguiar - que durante seis anos recebem gratuitamente aulas de canto, teatro, circo, jazz e sapateado. Entre os jovens talentos destacam-se Sara Milca e Juliana Ferreira (A Princesinha), que se revezam no papel da protagonista, Princesa Ayra, criada pela Rainha Harpia, e que acredita ser vítima de uma maldição do vento, que a deixou impossibilitada de voar, em conseqüência disso, vive a esconder seu rosto e questionar suas diferenças, até que o segredo de sua mãe é revelado, despertando em Ayra um novo comportamento.


O espetáculo, que é inteiramente brasileiro, tem a direção musical e artística de Thiago Gimenes, responsável pelas 21 canções autorais, a direção artística e coreográfica de Keila Fuke, o texto original de Rafael de Castro, a produção cultural de Leonardo Faé, e uma equipe criativa de renomados profissionais do teatro musical brasileiro: Tocko Michelazzo, que assina o desenho de som, Chris e Nilton Aizner, criadores do grandioso cenário que supervaloriza a natureza, Fabio Namatame, responsável pelos mais de 120 figurinos, Anderson Bueno, visagista que detalha em suas maquiagens o expressionismo dos animais,  Alessandra Dimitriou, coreógrafa de sapateado, Jeisel Bonfim, coreógrafo circense, e Paulo Cesar Medeiros, responsável pela iluminação que faz uso de muita tecnologia, através de projeções em LED e efeitos de ultima geração, de Motion Design (Animações), criados por Marcos Faria.

  “Uma Luz Cor de Luar”, que busca resgatar nobres sentimentos e valores, como amizade, lealdade, superação e amor, em curta temporada até 28 de fevereiro, realizando 28 sessões apresentadas de sexta a domingo, no Teatro das Artes do Shopping Eldorado, em São Paulo.

A Fundação Lia Maria Aguiar e seus projetos

Uma instituição independente, sem fins lucrativos e sem vínculos com qualquer organização pública ou privada, que atua desde 2008 na promoção sócio-cultural em Campos do Jordão, atendendo mais de 1200 famílias, e buscando promover também a inclusão socioeconômica e educacional da população carente da região, além de estimular ações de proteção do meio ambiente e do patrimônio histórico, entre outros projetos de incentivo à cidadania.
Em 2012 e 2013, a Fundação produziu o espetáculo musical “A Princesinha”, o primeiro com temporada fora da região, e que ficou em cartaz no Teatro Gamaro, antigo Anhembi Morumbi, em São Paulo. O sucesso foi certeiro, garantindo o reconhecimento nacional ao espetáculo através dos Prêmios  'Arte Qualidade 2013', na categoria Melhor Espetáculo Infantil Nacional, e o CENYM, da Academia de Artes, em duas categorias, Melhor Qualidade Técnica de Produção e Melhor Maquiagem.

Até  28 de fevereiro de 2016. CURTA TEMPORADA
Sessões: Sextas 21h. / Sábados 15h e 20h / Domingos 15h.

Teatro das Artes - Shopping Eldorado
 Av. Rebouças, 3970 - São Paulo - SP
Classificação: Livre

Ingressos à venda: bilheteria local ou pela ingresso.com
Valores: R$70 inteira – R$35 meia-entrada.

Sampa Abraços

Paula Porfírio

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM