Como ajudar nossos filhos a desenvolver as quatro áreas chaves do cérebro

00:20:00

No último sábado fomos ao evento de apresentação do novo Enfagrow e além de experimentar a nova fórmula , passamos uma manhã gostosa na companhia de amigos e muitas brincadeiras.


Gostamos muito do novo sabor e a Manu que não suporta leite amou a fórmula e pede para tomar, diz diz que não fica enjoada.

Estamos muito felizes, com a postura de retirar a sacarose do produto que foi substituído por frutose.


Enfagrow® está de cara nova! Mais clean e premium, a embalagem traz novo layout, com hexágonos que lembram uma colmeia, remetendo ao lar, à proteção e, ao mesmo tempo, à tecnologia, com predomínio de tons laranja e dourado.

Sua formulação também foi modificada e está mais avançada e equilibrada, com novos nutrientes e um mix de prebióticos que colaboram com as defesas do organismo, dentre eles, a Betaglucana.

O composto lácteo, que é a marca número um no mundo, continua sendo a mais saborosa opção para apoiar o desenvolvimento durante a infância, conforme demonstram os estudos realizados. “Desenvolvemos uma nova formulação, mais avançada do que a anterior, e sem adição de sacarose. O produto é composto por DHA, Colina e outros 13 nutrientes que contribuem com uma nutrição inteligente. O que era bom, ficou ainda melhor”, destaca Patrick Bagne, gerente de produto da Mead Johnson Nutrition no Brasil.

Foram necessários diversos testes para chegar ao sabor da formulação já conhecida do público. “Tivemos um extremo cuidado com o novo produto por questão de palatabilidade, pois queríamos aproximar ao máximo as duas versões. Buscamos uma formulação melhor e mais equilibrada, mais avançada, com um novo mix de prebióticos, além de nutrientes exclusivos e importantes para o desenvolvimento das crianças, mas que mantivesse o sabor único de Enfagrow®, que é o preferido de mamães e crianças”.

Durante o evento tivemos uma palestra com demonstração com as crianças, sobre como ajudar nossos filhos a desenvolver as quatro áreas chaves do cérebro: social, motor, cognitivo e de comunicação.

Cognição
Nas funções cognitivas, a emoção permeia percepção, atençao memória, tomada de decisão, plasticidade, linguagem (comunicação) e até mesmo sono . Essa área se desenvolve a partir do momento em que a criança adquire determinadas percepções do mundo que está inserida e isso acontece gradativamente por meio de adaptação, assimilação e equilíbrio durante o percurso da vida.
Estímulos - permita que a criança tome a iniciativa ao solicitar um objeto: peça que ela descreva aquilo que deseja; - observe o que ela já é capaz de produzir, estimule-a a nomear objetos e pessoas corretamente; - apresente a ela, gradualmente, novas situações e problemas cotidianos.

Social
O primeiro contato social de uma criança é com a mãe ou seu principal cuidador e sua família. Em seguida, surge a escola como segundo grupo. É por meio do contato com o outro que o ser humano se identifica e se localiza no mundo. Desde pequenas, crianças precisam identificar sua emoção e humor. É preciso respeitar suas limitações.
Estímulos - invista em brincadeiras em que as crianças possam representar cenas cotidianas ; - sugira jogos com outras crianças ; - ignore manhas, permita frustrações ; - ensine a respeitar propriedade alheia.


Comunicação
A comunicação ocorre de maneira gradual e é por meio de diferentes tipos de linguagem (corporal, falada , escrita e matemática) que se desenvolve no sujeito. A primeira forma de comunicação do ser humano é o choro. Posteriormente a essa expressão , se desenvolvem as vocalizações, entonações e ritmo na comunicação.
Estímulos - a criança aprende a falar e a ouvir outras pessoas: fale , cante e leia, com entonação, velocidade e timbre harmonioso; - desperte interesse pelos sons que ocorrem no ambiente, carro, campainha, telefone, cachorro; - aproveite todas as oportunidades para conversar com seu filho, mesmo que ela não consiga falar: na hora do banho, alimentação e duarante as brincadeiras diga-lhes os nomes dos objetos que está usando e descreva o que está fazendo.

Motor
O curso de desenvolvimento motor está relativamente completo por volta dos 7 anos. Mas muito antes disso, a criança tenta encaixar e empilhar objetos e já consegue perceber coisas escondidas.
A partir dos 3 anos, eles já chutam bola, correm com mais segurança e rabiscam os primeiros traços.
Estímulos - por volta dos 3 anos a criança começa a ficar mais ágil: incentive e elogie seus avanços; - estimule-a a explorar o ambiente, incentivando-a a superar pequenos obstáculos conforme seu estágio motor; - permita que suba e desça de cadeiras, berços, camas (sempre com a supervisão de um adulto e se certificando que será seguro).

A Manu e o Tuco amaram a manhã de brincadeiras!

Recebemos um kit que pode inspirar muitas brincadeiras com seu filho: massa de modelar, canetinhas e fantoches.


Sampa Abraços

Paula Porfírio








VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM