Crianças da Camerata de Cordas tem participação especial na Celebração dos 50 anos da FASCS

23:43:00

Concerto com Orquestra Jovem, Big Band, Camerata de Cordas, Coro da Fundação das Artes e participação especial do cantor João Bosco. O Concerto tem caráter comemorativo, e reúne no mesmo palco, alunos, formandos e professores da Fundação das Artes, além da participação de músicos da OSESP. Durante a apresentação a grande orquestra executará a música “Partimos para o Mato Grosso”, Música de Zeferino Hourcardes e Arranjo de Pixinguinha. Adaptação Sinfônica: Geraldo Olivieri. Durante a execução da música, haverá a participação da dupla de palhaços Gabi Zanola e Renato Ribeiro, da Trupe Dunavô.


O evento terá ainda participações especiais de dançarinos. Apresentação “Três vidas” com coreografia de Rachel Nicolau e Beatriz Lima. Elenco: Alice de Carvalho , Renata Inglês e Thais Oliveira. “Eu, nós” com coreografia de Beatriz Lima. Elenco: Rachel Nicolau e Jackes Maciel. E “Talismã” uma remontagem de Fátima Silva e do Elenco: Natalia Thais e Allan Monti

Crianças, jovens e músicos profissionais consagrados, dividindo as mesmas partituras e ocupando o nobre espaço da Sala São Paulo em um grande concerto. É desta forma que a Fundação das Artes de São Caetano do Sul (FASCS) – uma das escolas mais importantes de formação artística do Brasil – referencia a sua Camerata de Cordas (grupo formado por crianças e jovens estudantes) durante os festejos de 50 anos da FASCS.

A Fundação das Artes aproveitou este momento histórico em que completa meio século de vida para proporcionar aos jovens instrumentistas uma vivência pedagógica muito especial: a participação em um grande concerto.

Acompanhados de seus professores, outros estudantes e até ex-alunos da instituição, as crianças e jovens levarão para o palco a experiência que adquiriram durante a passagem pelos diferentes níveis de Cameratas de Cordas, que a FASCS peculiarmente propicia.

Em parceria com o SESC-SP, Secretaria de Cultura do Governo do Estado e Fundação OSESP, a Fundação das Artes realiza no dia 25 de abril um concerto na Sala São Paulo, onde as crianças e jovens da Camerata de Cordas se juntarão aos músicos convidados da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP), Orquestra Sinfônica Jovem (sob a regência do Maestro Geraldo Olivieri), à Big Band (sob a regência de Ogair Junior), Coros da Fundação das Artes (formado por estudantes e pessoas da comunidade) e participação especial do cantor João Bosco. Durante a apresentação a orquestra executará a música “Partimos para o Mato Grosso”. A música de Zeferino Hourcardes, que tem arranjo de Pixinguinha, terá Adaptação Sinfônica de Geraldo Olivieri e contará com uma intervenção da dupla de palhaços Gabi Zanola e Renato Ribeiro, da Trupe Dunavô, um importante grupo na cena do teatro infantil atual.

Um grande encontro de gerações reunindo alunos, formandos, professores, pessoas do bairro, jovens, crianças e músicos profissionais. Além dos 150 músicos no palco do evento, acontecerão apresentações de ballet clássico, dança contemporânea e intervenções teatrais, tornando o momento ainda mais poético.

A Camerata de Cordas é um grupo que faz parte da grade curricular da Escola de Música da Fundação das Artes, que desde 1968 é referência nacional no ensino de música, oferecendo cursos de alta qualidade, ministrados por artistas estudiosos da área.

A Camerata tem como objetivo aprimorar o estudo dos instrumentos de cordas (violinos, violas, violoncelos e contrabaixos) e proporcionar aos alunos a prática musical em conjunto.

Passando por diferentes níveis, através da execução de um repertório específico e adequado ao desenvolvimento técnico e artístico dos jovens instrumentistas, a FASCS procura dar condições para que eles tenham uma vivência profunda dentro de um ambiente que se iguala ao de uma orquestra, sentindo-se preparados a se inserir neste contexto após o período de formação na Escola de Música.


Sob a orientação de Alexandre Scoss Nicolai e Dorotheia Gruber Chinaglia, a Camerata de Cordas da FASCS vêm mantendo a tradição nestes 50 anos, com professores que se tornaram grandes musicistas e que transmitem seus conhecimentos para as gerações seguintes.

Com meio século de história, a Fundação das Artes é reconhecida por ter contribuído com o percurso profissional de uma legião de artistas-em-formação que se tornaram expoentes em seus campos de atuação (Cássica Kiss, Marcos Frota, Fábio Assunção, Amílton Godoy, Nelson Aires, Daniel Melim, Roberto Sion e Adenílson Telles, ente outros tantos outros).

Atendendo atualmente cerca de 1500 alunos nas Escolas de Artes Visuais, Dança, Música e Teatro, e sempre fomentando a cultura em sua diversidade, é considerada um dos patrimônios culturais do ABC Paulista. Ao apresentar uma programação artística variada e de muita qualidade, sempre colaborou com o estímulo à formação de público, o pensamento crítico e a apreciação das diversas formas de arte produzidas pelos mestres e aprendizes.

Celebrar os 50 anos da Fundação das Artes de São Caetano do Sul é celebrar a memória, a convivência coletiva e a construção de uma história que transpassa gerações, criando vínculos e inegavelmente contribuindo para a criação artística e fortalecimento da cultura popular brasileira.

Mais informações em: www.fascs.com.br ou www.facebook.com/fascs


50 ANOS DA FASCS - DE 23 a 28 de ABRIL DE 2018 – SEMANA DE FESTEJOS

Concerto 50 anos Fundação das Artes

Ingressos Gratuitos – os ingressos serão distribuídos no dia 23 de abril às 18h na Fundação das Artes – 2 ingressos por pessoa sujeito à capacidade do local

Capacidade –1000 lugares


Dia 25 de abril de 2018 - Horário: de 19h às 22h
Sala São Paulo

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM