FestA! – FESTIVAL DE APRENDER

O Sesc São Paulo realiza, entre 15 e 24 de março, o FestA! – Festival de Aprender em todas as unidades da capital, interior e litoral. A programação, que propõe uma celebração do fazer criativo e da experimentação, é composta por oficinas, ateliês para a família, bate-papos, feiras, vivências e demonstrações artísticas gratuitas e acessíveis a todos os públicos.

Em sua terceira edição, o  FestA! oferece mais de 500 atividades gratuitas que, em conjunto, reafirmam a atuação da instituição na oferta de ações que prezam pelo  aprendizado livre e não formal, com enfoque na convivência, no protagonismo, na autonomia e na reflexão criativa e crítica. “O FestA! é uma grande celebração do prazer em aprender.  A programação variada atrai e convida diferentes públicos a virem ao Sesc fazer arte com as mãos, aprender técnicas novas, vivenciar experiências plásticas curiosas e a se desenvolver artisticamente”, destaca Danilo Santos de Miranda, Diretor do Sesc São Paulo.

O público terá a oportunidade de aprender sobre as mais diferentes técnicas e habilidades, desde usar parafusadeira, serra e furadeira a consertar computadores e carros, bordar fotografias, confeccionar mapas, construir um tripé, aprender ourivesaria, montar um carrinho de rolimã até acompanhar a criação de uma escultura usando serra elétrica, entre muitas outras experimentações.

Presente nas 39 unidades do Sesc São Paulo em todo o Estado, a programação deste ano está dividida em quatro eixos: Cultura Digital e Hackerismo, que propõe o uso das mais diversas tecnologias para buscar soluções a problemas de diferentes naturezas; Artes Visuais e Artes Gráficas, que abarca as possibilidades de técnicas como desenho, pintura, fotografia, design, cartografia, audiovisual, entre outras, para ampliar o repertório criativo, possibilitando maior pluralidade de percepções de mundo; Artesanias e Ofícios Tradicionais, que contempla práticas artesanais, das mais tradicionais às mais contemporâneas; e Técnicas Construtivas, que tem como propósito a  fabricação de objetos fazendo uso de ferramentas tecnológicas, analógicas e digitais.

Para participar do FestA!, há três formas de acesso, a depender de cada atividade: inscrição antecipada pelo Portal Sesc SP, a partir do dia 14 de março; retirada de senhas no dia e local da atividade, com 30 minutos de antecedência; e livre entrada.

A agenda completa das atividades e locais onde serão oferecidas pode ser conferida pela internet: sescsp.org.br/festa. A página também apresenta reportagens e vídeos exclusivos relacionados ao universo do aprender e fazer artístico.

Destaques da Programação:

Cultura Digital e Hackerismo

A curadoria do Sesc SP incluiu diversos campos de atuação dentro do eixo de Cultura Digital e Hackerismo para estimular o público de diferentes formas. Por meio de oficinas, cursos, vivências, ateliês para a família, demonstrações e debates, as pessoas terão a oportunidade de desenvolver sua capacidade de solucionar os mais variados problemas, sempre utilizando a criatividade e a autonomia como ferramentas.

Algumas atividades serão realizadas sob o viés da construção para que o público possa aprender na prática, como é o caso da oficina Carregador Fotovoltaico para Celular (16/3), do Coletivo Sítio do Astronauta e Pupa Permacultura, que acontecerá no Sesc Campinas. Na unidade do Ipiranga, na capital paulista, Rodrigo Rezende comandará a oficina EmergentBot – Construa seu Robô (23/3) e, no Sesc Carmo, João Ariede liderará a oficina Construindo um Telescópio Refrator (15/3).

Cultura Digital e Hackerismo, no entanto, não se trata só de construir, mas de recuperar e reformatar. Por isso, neste eixo há a oficina Conserte Você Mesmo – Eletroeletrônicos (15/3), que será feita com os educadores do Café Reparo, no Sesc Florêncio de Abreu. O universo das artes visuais será abordado no debate Arte e Estética da Gambiarra (19/3), com Fred Paulino, Fernando Velázquez e Juliana Gontijo, no Centro de Pesquisa e Formação.

Já na unidade Thermas de Presidente Prudente os inscritos poderão vivenciar o Carroçarama – Disputa de Carroças Puxadas por Robôs (23/3), com a Yadaa Escola de Programação, Robótica e Eletrônica. No Sesc Itaquera o público irá conferir a vivência Videogames Comunitários - Para Além dos Multiplayers (16/3), com Bruna Dias, Beatriz Blanco e Lucas Goulart. Já no universo da produção musical, o Sesc Jundiaí apresentará a oficina Djembelétron: Orquestra de Tambores e Computadores (16/3), com o Instituto África Viva.

O tema vestuário se faz presente no eixo de Hackerismo e será representado com duas oficinas que introduzirão as pessoas neste campo. Com o grupo WeArBrasil, o público poderá conferir a oficina Wearables – Tecnologias Vestíveis (22/3), no Sesc Catanduva. Já a oficina Bonés Luminosos (19/3), com Gedeane Kenshima, acontecerá no Sesc Rio Preto.

Artesanias e Ofícios Tradicionais

Entre os saberes explorados no FestA!, ‘Artesanias e Ofícios Tradicionais’ é o que mais promove o ‘fazer com as próprias mãos’. Entende-se, neste campo, a valorização de atividades consolidadas ao longo dos tempos, que, postas em prática, revitalizam saberes colocadas às margens do processo industrial.

Algumas das dinâmicas em destaque neste eixo estão na palestra Tecendo Histórias: A Moda como Instrumento de Reafirmação Cultural (16/03), no Sesc Bom Retiro, com o estilista Ronaldo Fraga. Ainda na capital, a unidade da Avenida Paulista receberá o curso Bordado Tenango (19 a 22/03), com Flávia Bonfim.

No litoral, a uruguaia Ana de Prado, do grupo Manos del Uruguay, ministra a palestra Artesãos, Design e Criação (16/3), em Bertioga. Em Registro, Nana Hayne e o grupo Artesãs da Enseada da Baleia realizam a oficina Tecnojoias e Upcycling Caiçara: Criação de Acessórios (23/3).

O interior paulista concentra algumas das atividades de destaque no eixo ‘Artesanias e Ofícios Tradicionais’. No Sesc São José dos Campos, Maria Eugênia Miluzzi será a responsável pela oficina Faça seus Sapatos com Materiais Reciclados (16/3). Em Araraquara, será realizado o bate-papo Troca de Tecnologias e Saberes Locais – Do Cultivo à Produção Artística (16/3), com Renato Imbroisi e ONGs convidadas - Horta Comunitária da Zona Norte, Paz e Bem, Fundação Toque, Assentamento bela Vista e Quilombolas do Vale do Ivaporunduva. Já em São Carlos, o Sesc receberá a oficina Bordado: Rio que Mora em Mim (23/3), com Matizes Dummont.

O Sesc Birigui promoverá a oficina Biojoias: Da Coleta de Materiais na Natureza ao Design da Peça (16 e 17/3), com Fernando Bertolini, enquanto a unidade de Piracicaba realizará a Feira de Cerâmica com Modelagem Coletiva (17/3) com o Coletivo Mãos de Barro. Por fim, o Sesc Taubaté levará ao público uma pequena amostra da arte com metais preciosos na oficina Ourives por 1 Dia (23 e 24/3), com Geraldo Labriola.

Artes Visuais e Artes Gráficas

Este eixo tem por proposta desenvolver percepções e a capacidade de compreensão da realidade através dos sentidos e também de expressar ideias de forma criativa, seja por meio da ilustração, do design ou até mesmo do cinema.

Nesse sentido, o curso Pensamento Visual: Organizando Pensamento com Desenhos (19 a 22/3), facilitado pelo Coletivo Entrelinhas, no Sesc Belenzinho, ajudará os participantes a desenvolverem habilidades de produzir registros visuais. E para quem gostaria de se aprimorar na construção de narrativas, uma sugestão é atividade HQ para Principiantes (19 a 23/3), conduzida pelo quadrinista Magenta King, no Sesc Santana.

A presença de Julian Campos é outro destaque da programação. Ele estará no comando da oficina Xilogravura, Monotipia e Bordado | Obsessão: Duplos (19 e 21/3), no Sesc Santo André, para ensinar a arte de mesclar materiais e técnicas artísticas.

Misturando tipografia com arte decorativa, o curso Mosaicos Modulares: Desenvolvimento de Fonte Dingbats e Construção de Mosaicos (21 e 22/3)  tem como professores os artistas Monica Rizzolli e Tony de Marco, que, juntos, irão comandar a atividade no Sesc Consolação. Ainda no universo da escrita, durante o curso Narrativas Visuais – Fotografias e Haikai (18 a 22/3), a artista Letícia Kamada trará à tona a linguagem particular desse estilo de poema japonês, no Cinesesc.

O Percurso Gráfico: De Pi-ierê à Vila de Quitaúna em Caderno de Lambe-lambe (16/3), conduzido pelo artista Gilberto Tomé, parte do Sesc Pinheiros em direção ao Sesc Osasco, e propõe um registro criativo a partir de percepções do espaço urbano.
O segmento audiovisual também será contemplado no eixo de Artes Visuais e Artes Gráficas
durante o festival. Um bom exemplo é o curso Produção de Vídeo de Receita Culinária (23/3), realizado pela dupla de filmakers Doma02, no Sesc Santo Amaro, cuja programação explora aspectos estéticos dos alimentos.

Técnicas Construtivas

Este segmento propõe alinhar o resgate de técnicas manuais com técnicas de fabricação digital, possibilitando às pessoas elaborar projetos e desenvolver soluções utilizando tecnologias novas e antigas. Neste sentido, a programação está repleta de atividades, com destaque para o curso Impressão 3D com Barro (21 e 22/3), com Filipe Rito e Alan Degasperi, que acontecerá no Sesc Santos; e para a oficina Brinquedos com Materiais Reaproveitados (23/3), com Simão Bolívar, que será realizada no Sesc Ribeirão Preto (16 e 17/3), Sorocaba (23/3) e Pompeia (24/3). Neste mesmo viés de ressignificação está o curso Skate Infinito: Produção de Shapes com Plástico Reciclado (15/3), ministrado por Experimental Skate Art, no Sesc Bauru. Ainda com o objetivo de repensar recursos e matérias-primas, o Coletivo Bodoque comandará a oficina Gambiarra: Construindo um Tripé (15/3) no Sesc São Caetano.

Destaques no campo da marcenaria, Morito Ebine e Rogerio Bessa Gonçalvez irão comandar o bate-papo Sambladura: Marcenaria Tradicional Japonesa de Entalhes e Encaixes (16/3) no Sesc 24 de Maio, enquanto Roberto Stelzer e Joici Ohashi conduzirão o curso Princípios de Marcenaria: Pinball em Madeira (19/3), no Sesc Campo Limpo.

O Sesc Interlagos promove a oficina Tecnologia Mateira: Produção de Fogo e Purificação de Água (24/3), com a Escola de Bushcraft, para ensinar o público a sobreviver em ambientes selvagens. Já Chico Simões ministrará o curso Impressão 3D e as Obras Táteis (19 a 22/3), no Sesc Vila Mariana, enquanto Gabriela Castro (Estúdio Mirabilis), Marcos Spíndola e sua equipe colocarão em vôo uma Pipa-escultura Tridimensional no Sesc Parque Dom Pedro II.

A programação completa do FestA!, os detalhes das inscrições, que iniciam às 14h do dia 14 de março, e outros conteúdos exclusivos estão disponíveis em:  https://www.sescsp.org.br/festa.

FestA! – Festival de Aprender

De 15 a 24 de março de 2019

Todas unidades do Sesc SP

GRATUITO

Na internet: sescsp.org.br/festa

Compartilhe: #festanosesc

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adbox

Sampa Com Crianças no Instagram