Banda Mirim completa 15 anos de teatro e música no Sesc Avenida Paulista

Entre 9 de novembro e 29 de dezembro, a Banda Mirim celebra sua trajetória de 15 anos com repertório de espetáculos, leituras encenadas e workshop no Sesc Avenida Paulista.

O musical infantil Felizardo (2004), com pitadas de teatro e circo, abre a programação de espetáculos com apresentações nos dias 9, 10, 15, 16 e 17 de novembro. A peça narra a saga de Aurora, uma menina esperta de seis anos, e de seu amigo imaginário Felizardo. Juntos, eles partem para uma aventura heroica: vão para o reino da natureza e do folclore, onde não existe tempo nem idade.

Já em Festa (2014), o público acompanha o aniversário de Margarida, pontuado pela passagem do tempo e pela delícia dos encontros. Todos os convidados se reúnem em volta de um grande bolo para celebrar a alegria de uma infância que não se apaga nunca. São duas apresentações no dia 20 de novembro, às 11h e 16h.

Outra atração é Buda (2017), nos dias 7, 8, 14 e 15 de dezembro, que conta a história mítica do príncipe Sidarta, que alcançou a iluminação e tornou-se Buda há 2.500 anos. Resultado de três anos de pesquisa, o musical trata com humor e leveza o despertar para o outro, a superação do pensamento e a busca pelo autoconhecimento.

A programação conta, ainda, com leituras encenadas com música ao vivo de quatro peças do repertório da Banda Mirim. Dia 23 de novembro, tem o musical caipira Sapecado (2008), que retrata a cultura regional, as festas populares, lendas e costumes de vários lugares no interior do Brasil. A fábula musical A Criança Mais Velha do Mundo (2011) tem leitura dia 24 de novembro, apresentando várias dimensões do tempo para contar a viagem da menina Magnólia e seu pai rumo ao aniversário de uma prima e a história de uma senhora que está se arrumando para a festa de 90 anos de sua melhor amiga.

Com referências do circo-teatro e da Commedia Dell’Arte, dia 30 de novembro, é a vez da ópera infantojuvenil Espoleta (2010) que conta as confusões de um criado que promete ao patrão uma ópera em seu castelo, mas, para economizar, contrata um circo-teatro para a apresentação. Dia 1º de dezembro tem leitura da peça O Fantasma do Som (2013), uma comédia musical radiofônica, que brinca com as variedades do som para narrar a história do fantasma de Janete Azambuja, que ainda vive no estúdio de seu pai e acompanha a gravação da radionovela que vai salvar a emissora da falência.

Para o público adulto, arte-educadores e interessados no universo pedagógico infantil, o projeto traz a oficina Práticas de Criação da Banda Mirim, com encontros nos dias 15, 22 e 29 de dezembro, das 14h às 17h. A oficina, por meio de atividades de difusão e trocas de experiência, visa colaborar com a capacitação e formação dos participantes. Os artistas apresentam as práticas e didáticas do grupo e a criação na linguagem de teatro e música.

Para o diretor Marcelo Romagnoli, "o público poderá perceber as marcas destes 15 anos de desenvolvimento e descoberta de uma linguagem, que une música e teatro na criação de espetáculos musicais originais, pautados pela busca de um pensamento artístico que tem a infância como matéria, mas que dialoga com todas as faixas etárias."

Sobre a Banda Mirim

A Banda Mirim cria espetáculos que mesclam teatro, música e circo para crianças e jovens. O coletivo é formado por Alexandre Faria, Andrea Pedro, Cláudia Missura, Edu Mantovani, Lelena Anhaia, Marcelo Romagnoli, Marisa Bentivegna, Nina Blauth, Nô Stopa, Olivio Filho, Simone Julian e Tata Fernandes.

Em seus 15 anos, recebeu 28 prêmios e contabiliza cerca de 200 mil espectadores, quatro CDs, três livros, quatro DVDs, três especiais para televisão, duas revistas, uma série em jornal e quatro Mostras de Repertório. Sua trajetória conta com os musicais Felizardo (2004); O Menino Teresa (2007); Sapecado (2008); Espoleta (2010); Rádio Show (2011); A Criança Mais Velha do Mundo (2011), O Fantasma do Som (2013), Festa (2014) e Buda (2017).

Entre os prêmios recebidos, estão cinco troféus da APCA, quatro da FEMSA, um Prêmio Governador do Estado de São Paulo e um da Cooperativa Paulista de Teatro.

Confira abaixo a programação completa:

APRESENTAÇÕES

FELIZARDO (2004)

Musical infantil com pitadas circenses e teatrais que passeia pelos caminhos da infância, desde o nascimento, o acordar para o mundo, até o encontro com as primeiras escolhas e responsabilidades. Ora pela ótica de uma menina, ora pela de um menino, narra a saga de Aurora – uma menina esperta de 6 anos – e de seu amigo imaginário Felizardo, que partem para uma aventura heroica: vão brincar, vão para o reino da natureza e do folclore, onde não existe tempo nem idade.

Dias 9, 10, 15 16 e 17/11, sábados e domingos às 11h
Sessão extra: 15/11, sexta-feira, 16h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Loca: Térreo – Praça.
Ingresso: R$20. $10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

FESTA (2014)

Musical para toda a família que comemora os dez anos do grupo. No espetáculo, a plateia acompanha o aniversário de Margarida, pontuado pela passagem do tempo e pela delícia dos encontros. Convidados, parentes, amigos: todos juntos em volta do grande bolo para celebrar a alegria de uma infância que não se apaga nunca.

Dia 20/11, quarta-feira de feriado às 11h e 16h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Loca: Térreo – Praça.
Ingresso: R$20. $10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

BUDA (2017)

A história mítica do príncipe Sidarta, que há 2.500 anos alcançou a Iluminação e se tornou Buda, é apresentada com música ao vivo pelos 11 artistas-narradores da premiada Banda Mirim. O musical, fruto de três anos de pesquisa, trata com humor e leveza sobre o despertar para o outro, a superação do pensamento e a busca pelo autoconhecimento.

Dias 7, 8, 14 e 15/12, sábados e domingos às 11h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Loca: Térreo – Praça.
Ingresso: R$20. $10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

HISTÓRIA ABERTA

Leituras encenadas com música ao vivo de quatro peças do repertório da Banda Mirim

SAPECADO (2008)

Musical caipira para todas as idades, retrata a cultura regional caipira, danças, festas populares, lendas e costumes do sertão. Com personagens típicos e situações genuínas do interior do Brasil, narra a viagem da roceira Assunta, seu cachorro Rex e o carteiro Adauto pela estrada do Bromongó, rumo ao casamento da comadre na Vila do Sapecado.

Dia 23/11, sábado às 11h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Local: 13º andar – Arte II.
Ingresso: R$20. R$10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

A CRIANÇA MAIS VELHA DO MUNDO (2011)

Fábula musical que brinca com as dimensões do tempo – ontem, hoje, amanhã – e conta a história de Magnólia, uma menina de 6 anos que sai de viagem com o pai rumo ao aniversário da prima fora da cidade. Enquanto isso, uma senhora também está se arrumando para a festa dos 90 anos de sua melhor amiga. O cruzamento das duas histórias revela o enigma que é o tempo na vida de todo mundo.

Dia 24/11, domingo às 11h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Local: 13º andar – Arte II.
Ingresso: R$20. R$10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos

ESPOLETA (2010)

Uma ópera infanto-juvenil, com referências ao circo-teatro e à commedia dell’arte italiana. O espetáculo brinca com a mistura entre o popular e o erudito. Conta as confusões do criado Espoleta que promete ao patrão uma ópera em seu castelo, mas para economizar contrata um circo-teatro para a apresentação.

Dia 30/11, sábado às 11h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Local: 13º andar – Arte II.
Ingresso: R$20. R$10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

O FANTASMA DO SOM (2013)

Comédia musical radiofônica para todas as idades que brinca com variedades do som. Conta a história do fantasma de Janete Azambuja, que ainda vive no estúdio de seu pai e acompanha a gravação da radionovela que vai salvar a emissora da falência. Homenagem à época de ouro do rádio no Brasil, apresentando à plateia infanto-juvenil essa forma criativa que está completamente distante dos dias de hoje.


Dia 1/12, domingo às 11h.
Duração: 60 minutos.
Classificação: livre.
Local: 13º andar – Arte II.
Ingresso: R$20. R$10 (meia). R$6 (credencial plena). Grátis para crianças até 12 anos.

OFICINA

PRÁTICAS DE CRIAÇÃO DA BANDA MIRIM

Por meio de atividades de difusão e troca de experiências, a oficina visa colaborar com a capacitação e formação de arte-educadores focados na educação não-formal em oficinas culturais para crianças e jovens. A atividade abrangerá as práticas artísticas e didáticas do grupo e a criação na linguagem de teatro e música.

Serão apresentados os processos de invenção do grupo e as ideias que norteiam suas criações, bem como conteúdos relativos ao ensino e à aprendizagem da arte, propiciando aos participantes uma experiência artística associada à prática pedagógica e fomentando tais agentes multiplicadores para a aplicação dos exemplos utilizados na oficina em projetos sociais e culturais por onde atuam ou possam vir a atuar.

Dias 15, 22 e 29/12, domingos das 14h às 17h.
Duração: 180 minutos
Público-Alvo: Arte-educadores, estudantes de artes cênicas, música, iniciados e interessados no universo pedagógico infantil 
Local: 4º andar – Tecnologias e Artes.
Ingresso: Gratuito. Ingressos com 30 min. de antecedência no local.


SESC AVENIDA PAULISTA
Avenida Paulista, 119, Bela Vista, São Paulo
Fone: (11) 3170-0800

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sampa Com Crianças no Instagram