Livros sobre a cultura afrobrasileira

Proporcionar, incentivar e aprender sobre a cultura da população negra,  é um dos caminhos para construirmos uma sociedade mais justa, empática e igualitária, exatamente o que o momento nos pede.
 
E a Editora Peirópolis tem em seu catálogo livros infantojuvenis, que podem nos ajudar a conversar e refletir nessa ação antirracista. 

O espelho dourado
Heloisa Pires Lima, Taisa Borges
R$ 34

A história de O espelho dourado passa-se por volta do ano 700 d.C. no reino medieval de Gana, território localizado na curva do rio Niger, e remete à crença achanti de que os mortos habitam um mundo que é a imagem espelhada do mundo dos vivos. Os dois mundos encontram-se nos sonhos. Desse cenário surge Nyame, divindade cujo corpo de fogo provocou o nascimento do universo e que lembra o período de abundância da etnia achanti.



Num tronco do Iroko vi a Iúna cantar
Erika Balbino, Alexandre Keto
R$ 67

Os irmãos Cosme, Damião e o pequeno e levado Doum descobrem a capoeira nos encontros com Pererê, a índia Potyra e outros seres lendários da cultura cabocla, negra e indígena. Com os gêmeos Ira e Iraê e a inseparável cobrinha, vão ao encontro do grande guerreiro Guarini, ou Ogum Rompe Mata, capaz de ajudá-los a combater Arokô e aqueles que fizeram a Mãe Terra tremer. A batalha é árdua e a estratégia deve ser poderosa. O livro é acompanhado de um CD com a narração da história pela própria autora, os cantos de capoeira, com a participação do percussionista Dalua, um glossário e textos complementares sobre a influência da cultura africana na música.



O mundo no black power de Tayó
Kiusam de Oliveira, Taisa Borges
R$ 46

Tayó é uma menina negra que tem orgulho do cabelo crespo com penteado black power, enfeitando-o das mais diversas formas. A autora apresenta uma personagem cheia de autoestima, capaz de enfrentar as agressões dos colegas de classe, que dizem que seu cabelo é “ruim”. Mas como pode ser ruim um cabelo “fofo, lindo e cheiroso”? “Vocês estão com dor de cotovelo porque não podem carregar o mundo nos cabelos”, responde a garota para os colegas. Com essa narrativa, a autora transforma o enorme cabelo crespo de Tayó numa metáfora para a riqueza cultural de um povo e para a riqueza da imaginação de uma menina sadia.



O mar que banha a Ilha de Goré
Kiusam de Oliveira, Taisa Borges
R$ 45

Neste livro, o leitor fará o caminho inverso das viagens empreendidas pelos africanos escravizados a partir do século XVI. Pelas mãos de Kika, ele conhecerá uma terra rica e cheia de histórias, e poderá encontrar o caminho para compreender a história afro-brasileira e ajudar a delicadamente incluir o negro e sua trajetória traumática no imaginário da formação da cultura brasileira.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sampa Com Crianças no Instagram